Vantagens da Argamassa Polimérica

Vantagens da Argamassa Polimérica

Neste artigo, falaremos sobre as vantagens da argamassa polimérica quando comparada com a argamassa convencional e os benefícios que ela pode trazer para a sua obra.

Em nosso artigo sobre Argamassa Polimérica, falamos um pouco sobre o surgimento da argamassa polimérica, sua popularização, regulamentação e algumas de suas aplicações. Então, se você quiser saber um pouco mais sobre isso, não deixe de conferir nosso artigo clicando no link logo acima.

Praticidade e agilidade no assentamento de blocos e tijolos

A argamassa polimérica é utilizada especialmente para o assentamento de alvenaria de vedação e traz uma série de benefícios para sua obra em termos de praticidade e economia. Diferentemente da argamassa cimentícia, a argamassa polimérica é vendida pronta para uso. Isso quer dizer que não é preciso perder tempo com sua preparação e isso implica numa economia direta nos gastos com a mão de obra e um aumento de produtividade de pelo menos 50%.

Geralmente comercializada em bisnagas e aplicada em dois ou três cordões, dependendo do tipo de bloco ou tijolo, a sua aplicação é muito mais ágil do que a da argamassa convencional. Além disso, seu método de aplicação garante um serviço limpo e sem qualquer desperdício do produto.

Mas as vantagens da argamassa polimérica não param por aí!

Rendimento e economia

Além da questão da maior praticidade e agilidade na aplicação, como mencionado anteriormente, uma das vantagens da argamassa polimérica que faz com que ela ganhe cada vez mais popularidade é seu rendimento.

Para ter uma ideia do incrível rendimento da argamassa polimérica, basta fazer uma comparação simples: um metro quadrado de assentamento de blocos de concreto exige cerca de 25 kg de argamassa convencional seca (peso antes de ser misturada com água). Já com a argamassa polimérica são precisos apenas 1,5 kg. Isso, obviamente, proporciona uma enorme economia no espaço destinado ao transporte e estoque de materiais.

Somando-se isso ao que já foi mencionado no tópico anterior em relação ao aumento de produtividade e dramática redução do desperdício, o uso da argamassa polimérica, como substituta da convencional, gera uma redução de cerca de 40% nos gastos totais com alvenaria em uma obra.

Sustentabilidade

Se levarmos em consideração apenas as vantagens da argamassa polimérica citadas até agora, já fica claro os motivos pelos quais essa tecnologia está revolucionando a construção civil e se tornando cada vez mais popular no Brasil. Mas há ainda outro fator muito importante a ser levado em consideração que é a sustentabilidade.

Os dois principais componentes da argamassa convencional são o cimento Portland e a areia. O processo de produção do cimento gera uma considerável emissão de dióxido de carbono na atmosfera. Estima-se que para cada quilo de cimento fabricado sejam emitidos 600 de dióxido de carbono. Já a areia utilizada é, normalmente, retirada dos leitos de rios, o que, obviamente, causa um impacto geográfico na região de extração.

E um dos motivo pelos quais a argamassa polimérica tem sido reconhecida como uma opção muito mais sustentável do que a convencional é que ela não se utiliza de nenhum desses dois componentes acima citados.

Solicite um orçamento