CONHEÇA A “CASA DE PEDRA”, SÍMBOLO DA OCUPAÇÃO PAULISTA DO LITORAL

Na temporada de férias, se o seu destino é o Guarujá, no litoral sul paulista, não vai ser difícil reparar em uma construção sobre uma formação rochosa, na divisa entre as praias de Pitangueiras e Astúrias. Trata-se da Casa de Pedra, uma edificação cuja base estrutural é de rochas, como o apoio e suas paredes.

Imagem da Casa de Pedra, frente à praia
Imagem: Condephaat

 

Resultado de imagem para casa de pedra guaruja

Construída em 1952, o projeto da Casa de Pedra é do arquiteto Henrique Cristofani, mais conhecido como “Verona”. O projeto foi encomendado pelo mesmo idealizador do Edifício Sobre as Ondas, Roberto Braga, e foi justamente construído ao lado desse edifício, que foi considerado um dos primeiros exemplos da arquitetura moderna vertical, na década de 40.

A ARQUITETURA DA CASA DE PEDRA

Mesmo com o passar das décadas, a edificação se manteve em ótimas condições estruturais, inclusive com os efeitos da maresia e da umidade. Na parte externa, há revestimento com pastilhas, elementos que costumam integrar as construções no Guarujá (o mesmo vale para  Edifício Sobre as Ondas).

Já na parte interna, as rochas que são utilizadas na estrutura da edificação também fazem parte do revestimento interno, seja na parede ou até mesmo na banheira.

Imagem da casa de Pedra e ao fundo o Edifício Sobre as Ondas
Imagem: Guarujá das Antigas

 

Formato geométrico, elementos em ferro e vidro e a modernidade a partir do uso de lajes planas são algumas das características desta construção, que passou a ser um símbolo representativo do Guarujá.

Entre as curiosidades sobre a Casa de Pedra, está o fato da edificação já ter sido cenário de filme. Em frente à construção foi filmado o “O Puritano da Rua Augusta”, estrelado por Mazzaropi, em 1965.

Imagem da parte interna da casa, com as pedras no revestimento interno e a banheira
Imagem: Guarujá Fatos e Fotos da Nossa História

 

Outro ponto de destaque é que tanto a Casa de Pedra quanto o Edifício Sobre as Ondas foram tombados, em 2013, pelo CONDEPHAAT – Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico. As edificações foram consideradas símbolos da ocupação paulista do litoral, para uso de veraneio.

Imagem da parte interna da casa, com a piscina e o jardim
Imagem: Guarujá Fatos e Fotos da Nossa História

 

A justificativa, presente na publicação do Diário Oficial acerca do tombamento, destaca a “presença marcante do arranha-céu Sobre as Ondas na paisagem em relação indissociável, e em contraponto a Casa da Pedra com que divide o sítio natural e a formação rochosa em que se implantam. O texto destaca ainda “a arquitetura das duas obras, que em suas linguagens e formas arquitetônicas apresentam atributos inovadores e elementos da linguagem moderna, além de relação peculiar como sítio natural”.

Imagem da varanda, frente ao mar
Imagem: Guarujá Fatos e Fotos da Nossa História

 

Pelas imagens fica ainda mais evidente os motivos para o destaque das edificações – e no caso da Casa de Pedra é possível conhecer por dentro a construção a partir de algumas imagens.

Confira em sua próxima oportunidade de viajar ao litoral sul paulista, e na caminhada à beira-mar, aproveite para admirar este exemplo da arquitetura moderna.

O Texto acima, “Conheça a casa de pedra, símbolo da ocupação paulista do litoral”, foi escrito por Luciana Reis e publicado no blog Blog da Arquitetura

Download Nulled WordPress Themes
Download Nulled WordPress Themes
Download Premium WordPress Themes Free
Download Premium WordPress Themes Free
udemy course download free
download micromax firmware
Free Download WordPress Themes
online free course